Fan Page - Boletim Ambiental
Showcase Page - Boletim Ambiental
Boletim Ambiental

Desmatamento faz peixes emagrecerem

O alimento que o peixe come serve basicamente para ele crescer, manter o metabolismo básico e se reproduzir. Quando a temperatura da água sobe, os peixes podem perder massa, “emagrecer” até 16%. Esse é o resultado de um estudo de pesquisadores da USP.

Os pesquisadores mediram a temperatura das águas de seis riachos de cabeceira do rio Xingu, no Mato Grosso, e três em área de floresta e três desmatadas, onde foi plantada cultura de soja. As águas dos riachos na floresta apresentaram temperatura média de 25°C e as dos riachos da área agrícola, temperatura média de 28°C, com oscilação entre 24°C e 34°C.

A cobertura da floresta ajuda a bloquear a radiação solar sobre a superfície da água, explicitando a relação entre água mais quente e redução da massa corpórea dos organismos de sangue frio, como peixes, anfíbios e répteis.

O estudo fez pela primeira a correlação entre dados sobre “emagrecimento” dos peixes e dados ambientais, ressaltando que o aquecimento global pode ter impactos sobre a massa corpórea dos peixes. No experimento, os pesquisadores usaram a espécie Melanorivulus Zygonectes, que atinge 4 centímetros de comprimento e vive às margens dos riachos, em águas rasas.

Leia a íntegra do artigo, clique aqui

Link Curto: http://bit.ly/2OEyQwk

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*