Fan Page - Boletim Ambiental
Showcase Page - Boletim Ambiental
Boletim Ambiental

Energia eólica chega a 51,6% no Nordeste

De acordo com dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico, a energia eólica no Brasil atingiu 9,6%, dentro do perfil energético do país, sendo que o Nordeste vem sendo reconhecido como um laboratório de introdução de energias renováveis da matriz energética Brasileira. A energia eólica responde por 51,6%.

A crise hídrica vem ajudando a mudar o perfil energético do Nordeste, uma vez que há grande potencial solar nas usinas de sobradinho, bacia do rio São Francisco; ficando a concentração da produção eólica nordestina centrada em 70% na costa.

Comparativamente, a matriz energética regional apresenta: Norte com 1,6% de energia eólica; o Sul, com 3,8% e o Nordeste com 51,6%. O Sudeste/Centro-Oeste apresenta uso de Térmicas com 20,1%, Nuclear com 4,9%, Hidráulica, 69,6% e Importação, 5,3%.

De acordo com dados do “Boletim de Energia Eólica Brasil e Mundo – Ano Base 2016”, o Brasil ultrapassou o Canadá e ocupa a sétima posição no ranking dos países com maior geração de energia eólica no mundo. O país alcançou um fator de capacidade média de 41,6% do seu parque eólico, sendo a média mundial de 24,7%.

Link Curto: http://bit.ly/2hqoOUM

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comentário

Seu e-mail não será publicado.


*